CLICK HERE FOR BLOGGER TEMPLATES AND MYSPACE LAYOUTS »

sexta-feira, 15 de janeiro de 2010

GRANDE MULHER !!!

          Lamentavelmente, no dia 12/01/2010, Zilda Arns Neumann, aos 75 anos, foi uma das vitimas fatais do terromoto ocorrido no Haiti. Na verdade, toda a situação atual deste país é de grande comoção e gravidade. À todos, aconselho que acompanhem as noticias referentes a este caso.
        Voltando a falar da Zilda...
        Muitos já conheçem essa grande mulher pelos seus trabalhos. Ela foi a fundadora e coordenadora internacional da Pastoral da Criança. Este projeto tão aclamado mundialmente por desenvolver a metodologia comunitária de multiplicação do conhecimento sobre saúde, nutrição, educação e cidadania entre as famílias mais pobres, levando, assim, vida em forma de solidariedade. Já sabem de quem estou falando ??
        O rosto dela é muito conhecido, porém o nome dela não é do conheçimento de alguns, afinal, basta identificá-la como "criadora da Pastoral da Criança" e todos já sabem de quem se trata. Eu msm sempre admirei a vida desta mulher e não sabia seu nome.....para mim, ela sempre foi "a ousada mulher que criou a Pastoral da Criança e, através deste ato, salvou vários pequenos inocentes de morrerem por desnutrição". É por isso que ela foi e continua sendo, de fato, muito e muito importante na vida de milhares de brasileirinhos e inesquecível na história de nosso estimado país.



         Resolvi fazer este post como uma forma de homenagear uma pessoa a qual sempre tive grande estima e consideração. Confesso que, realmente, fiquei chocada com a noticia de sua morte, pois não esperava que pudessemos perdê-la tão cedo.
         Vcs devem imaginar que, se ela tinha 75 anos, então, a expressão "tão cedo" foi exagero de minha parte. Eu digo que não exagerei, não. Pessoas que possuem a firmeza de caráter, o qual ela portava, deveriam viver até mais do que 100 anos para que tivessem tempo de realizar todos os prodígios que suas grandezas permitem.
         Essa renomada senhora morreu da maneira mais digna que se possa imaginar. Na ocasião, ela estava participando de uma conferência dos religiosos do Haiti e, tbm, estava determinada a motivar os lideres e voluntários da Pastoral deste msm país. Medo não era algo que a impedia de "fazer a diferença" para muitos cidadãos.....e ela "fez a diferença" msm.




          Além da Pastoral da Criança, Zilda, tbm, foi fundadora e coordenadora da Pastoral da Pessoa Idosa; representante titular da CNBB e do Conselho Nacional de Saúde; e membro do Conselho Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social. Como podem ver, ela usou sua formação acadêmica como médica pediatra e sanitária em prol do desenvolvimento de uma sociedade mais humana, justa e equilibrada. Na minha opinião, esse foi o maior motivo da minha admiração. Afinal, ela poderia ter feito como a maioria de nós que estuda para beneficio próprio...ela estudou para benefício daqueles que sequer podiam estudar. Um altruísmo raro e especial. Um verdadeiro exemplo de cidadania.




          Essa personalidade que transparecia simplicidade foi reconhecida no mundo inteiro e, como vcs devem saber, isso é uma façanha muito rara. Vejam só alguns premios dedicados a esta respeitável senhora:

- Personalidade brasileira de destaque na vida em prol da saúde da criança (UNICEF/88)
- Premio humanitário (Lions Club International/97)
- Heroína da sáude pública das americas (PAS/2002)
- 1º premio de direitos humanos (USP/2000)
- Woodrow Wilson (Woodrow Wilson Foundantion/2007)
- Opus prize (Opus Prize Foundation/2006)



          Grandes feitos para uma grandissíssima mulher que comportava em si msm: capacidade, ousadia, inteligencia, solidariedade, humanidade, amor ao proximo, gentileza, simpatia e preocupação com a causa dos menores. Admirei, admiro e vou admirar sempre essa magnifica história de vida.....respeitei, respeito e sempre respeitarei essa exemplar atitude....e nada (nem tempo e nem morte) vão diminuir ou extinguir esse grande carinho que aprendi a ter por ela. Suas instituições, atitudes e reportagens me inspiraram a ter todos esses solidos sentimentos e, tbm, ter a certeza de que, se cada um fizesse, de fato, sua parte, o mundo seria muito e muito e muito melhor.
          Zilda, deixou uma marca no mundo inteiro e gravou o coração de todos os brasileiros com um sentimento chamado orgulho, pois essa grande mulher era brasileira e isso nunca a impediu de ser grande aos olhos do mundo.
          Estimada brasileirinha natural de Santa Catarina e residente em Curitiba, rezo para que sejas conduzida por mãos angélicas rumo a essa nova e linda etapa de sua existência. Vc foi há pouco tempo e já faz uma enorme falta.




sugestões ou críticas: irenemesmo@rocketmail.com
Até o proximo post!
Beijos a todos !


5 comentários:

Neto disse...

Eu a conheci quando esteve aqui no Recife, na pastoral da criança. Posso dizer com toda certeza que ela era isso mesmo que todos dizem dela agora: uma pessoa boa, extremamente pacata, humana, e que amava as crianças. Foi uma grande perda para o país, com certeza.

Principalmente porque temos hoje tão poucas pessoas nesse país que se importam com os 'valores humanos' (falando do nosso meio político). Ela era um exemplo.

Abraços

Higor e Janaina disse...

ela era uma mulher muito onrrada!

Daniel Savio disse...

Hua, kkk, ha, ha, pelo jeito, o Neto fez pousada aqui...

Mas não precisa fazer uma grande obra para sentirem a nossa falta, só uma obra que valeu a pena a ter feito, mesmo que seja o sorriso de uma criança de três anos.

E pessoa, obrigado por ser assim no meu blog, na verdade, ele nem seria realmente um blog para discursão e mais para servir de babá eletrônica (os meus amigos sempre saberam aonde eu estou), ai fico prestigiado com os seus comentários.

Mas sério, Jurassic Park é hilário com o pessoa andando no meio da floresta cantando a música "enquanto o T-Rex não veem, vamos passear na florestas cheia de velociraptors"...

Hua, kkk, ha, ha, é, sou um pouco cruel.

Fique com Deus, menina Irene.
Um abraço.

India Tiwatã disse...

Criatura maravilhosa e com grande influência positiva nas massas essa simpática senhorinha que tinha uma garra e uma força interior de dar inveja(boa é claro!).
Espero que assim como Deus a levou que ele nos traga outras pessoas tão valorosas e benéficas para o mundo como ela.
bela lembrança essa sua amiga!!
bju!!

Anônimo disse...

Muito obrigado por escrever isto, foi inacreditavelmente informativos e disse-me uma tonelada

Related Posts with Thumbnails